INFANTIL 2  (2  anos)

♥ ATIVIDADES:

• Controle dos esfíncteres, de forma gradativa e com grande paciência e estímulo/incentivo por parte do professor.

• Higiene Bucal , estimulando e incentivando para o uso da escova.

• Alimentar-se sozinho, com ajuda do professor, aos poucos as crianças aprendem a levar a colher sozinho à boca.

• Introdução de alimentos sólidos, onde aos poucos as crianças deverão se alimentar normalmente, como as crianças maiores.

• Estimulação do próprio corpo identificando e nomeando as partes do corpo. 

• Garatuja: folhas em branco, onde a criança poderá pintar com lápis, giz de cera e/ou guache (tomando muito cuidado para não levar à boca e aos olhos).

• Exercícios de encaixe, sempre incentivando para que a criança acerte. 

• Jogos de bola em rodas, promovendo a integração social, onde a criança deverá joga-la para o amigo, dizendo o nome (ou dito pelo professor).

• Trabalhos manuais com massinhas e argila, deixando que estes manuseiem bastante.

• Incentivo e desenvolvimento da fala, onde o professor deverá conversar e estimular para que a criança consiga manifestar o que quer, não permitindo que ela só se manifeste por gestos.

• Ampliar seu vocabulário, conversando diariamente, com a criança sobre os aspectos do dia-a-dia.

• Incentivar e permitir a fala da criança em todas as atividades possíveis, falando corretamente com a criança. Mostrar à criança a conveniência de falar em voz baixa, trabalhando com a criança o saber escutar.

• Apresentação das cores.

• Trabalhos com músicas gestuais, cantigas de roda e dança, estimulando partes do corpo.

• Contos de histórias curtas.

• Coordenação motora livre, como rasgar papel, brincar de massinha, etc.

• Traçados simples: Coordenação Motora.

• Formas Geométricas: círculo, quadrado e triângulo

 OBJETIVOS SÓCIO-EMOCIONAIS:

Desenvolve hábitos de asseio: pedir para ir ao banheiro, lavar as mãos, limpar o nariz, etc.

Habitua-lo a usar os clichês sociais. Exemplo: Por favor, muito obrigado, com licença, etc.

Permitir que a criança seja independente.

Deixa-la explorar ao máximo os objetos e brinquedos.

Levar a criança a brincar com os outros do grupo.Fazer com que a criança não fixe em um único colega.

Mantê-la ocupada.Levar a criança a participar das atividades de grupo.

 

contador de visitas gratis